Casa Ermelinda Freitas arrebata o maior número de prémios no Concurso de Vinhos

Regional B Últimas C

CONCURSO DE VINHOS DA COMISSÃO VITIVINÍCOLA REGIONAL DA PENÍNSULA DE SETÚBAL (CVRPS)

Moscatel de Setúbal Superior 2007 foi o único vinho generoso com medalha de ouro

 

A Casa Ermelinda Freitas, de Palmela, que na edição do ano passado foi a segunda empresa mais premiada, com oito vinhos, catapultou-se este ano para o topo ao ganhar 14 medalhas (cinco de ouro e nove de prata).

O Moscatel de Setúbal Superior 2007 foi o único vinho generoso a ganhar a medalha de ouro. Além deste, foram distinguidos os vinhos Cabernet Sauvignon Reserva 2013, Dona Ermelinda 2015, Vinha do Rosário Syrah 2015 e Terras do Pó Syrah Petit Verdot 2013 com ouro.

Já os vinhos Petit Verdot Reserva 2015, Touriga Nacional Reserva 2013, Vinha do Rosário 2016, Casa Ermelinda Feitas Syrah Reserva 2014, Dona Ermelinda Reserva 2014, Alicante Boushet Reserva 2015, Quinta da Mimosa 2014, Touriga Nacional 2015 e o Merlot Reserva 2014 foram agraciados com medalhas de prata.

“Este ano correu muito bem”, avaliou Joana Freitas após receber os prémios em representação da empresa. “É com muito orgulho e com muita responsabilidade que recebemos estes prémios. É de facto o reconhecimento da grande equipa que temos, de produção, do enólogo, de tudo o que a família nos deixou e de tudo o que hoje em dia fazemos”, disse.

Segundo a filha da empresária Leonor Freitas – que está por estes dias no México a promover provas –, o sucesso do resultado “deve-se a muito trabalho, muita dedicação e muito amor”. Sobre a performance das vendas e exportações deste ano, ainda que seja cedo para apresentar resultados concretos, Joana Freitas adiantou que “está a correr bem”.

Deixe uma resposta