Bispo de Setúbal eleito vogal do Conselho da Conferência Episcopal

D. José Ornelas ladeado por D. Manuel Martins (à esquerda) e D. Gilberto Canavarro dos Reis (à direita)
Local Sociedade B Últimas B

D. José Ornelas, Bispo de Setúbal, foi esta quarta-feira, 26, eleito vogal do Conselho Permanente da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) para o triénio 2017-2020, durante a Assembleia Plenária que decorre até amanhã, em Fátima, revelou a directora de comunicação da Diocese setubalense. D. Manuel Clemente, cardeal-patriarca de Lisboa, foi reeleito na presidência e D. António Marto, bispo de Leiria-Fátima, foi reconduzido como vice-presidente.

Para o Conselho Permanente da CEP, a Assembleia Plenária elegeu ainda “D. Anacleto Oliveira, bispo de Viana do Castelo, D. Virgílio Antunes, bispo de Coimbra, D. Antonino Dias, bispo de Portalegre-Castelo Branco, e D. José Cordeiro, bispo de Bragança-Miranda”, sendo que o padre Manuel Barbosa mantém-se como secretário do órgão.

O Conselho Permanente da CEP “é o órgão delegado da Assembleia Plenária, com funções de preparar os seus trabalhos e dar seguimento às suas resoluções”, explica a responsável pela comunicação da Diocese de Setúbal, acrescentando que o organismo “reúne ordinariamente todos os meses e pode resolver casos urgentes que se ponham no intervalo das reuniões da Assembleia”.

“É constituído por um presidente, vice-presidente e secretário com mais cinco bispos eleitos pela Assembleia Plenária”, revelou a concluir.

Deixe uma resposta