Tall Ships Regatta promete atrair milhares de visitantes a Sines

Local C Regional B Últimas C

Terra de Vasco da Gama vai ser a “capital do Alentejo” entre 28 de Abril e 1 de Maio

 

Milhares de visitantes são esperados em Sines durante o Sines Tall Ships Festival, que decorrerá entre 28 de Abril e 1 de Maio no âmbito da Rendez-Vous 2017 Tall Ships Regatta (RDV 2017), evento náutico em que participam pelo menos 21 grandes veleiros de todo o mundo com 1500 tripulantes de 20 países.

Na Bolsa de Turismo de Lisboa, que terminou domingo, o evento foi apresentado mais uma vez como um acontecimento náutico de “enorme dimensão” que deverá atrair milhares de pessoas ao concelho de Sines, à semelhança da adesão que registou em Lisboa, com 650 mil pessoas, na edição de 2016.

Os navios vão estar atracados ao longo do Porto de Recreio de Sines, nos fingers flutuantes e no cais multiusos, de forma a serem visitados pelo público, gratuitamente. Visitas às embarcações, desfiles de tripulantes, concertos, fogo de artifício e muitas outras iniciativas estão já programadas.

Haverá também uma “área grande com espaços de atendimento ao público, uma área institucional com 18 municípios representados e espaços de animação para toda a família, com vários palcos para concertos, inclusive no Castelo”, explicou o presidente da Câmara Municipal de Sines ao DIÁRIO DA REGIÃO.

“Eu diria que Sines vai ser o centro do Alentejo. É a primeira vez que o Alentejo vai organizar um evento náutico desta envergadura, e obviamente que é um desafio enorme, mas temos os parceiros certos”, garantiu Nuno Mascarenhas.

O Sines Tall Ships Festival será co-organizado pela Câmara Municipal de Sines, pela Entidade Regional de Turismo do Alentejo e pela Administração dos Portos de Sines e do Algarve, em parceria com a Aporvela – Associação Portuguesa de Treino de Vela.

A vontade de receber a regata internacional reflecte também a “aposta de Sines no mar, não só pela importância do Porto, mas pela importância da costa e daquela baía que tem uma longa tradição de receber barcos e veleiros”, disse ainda o autarca.

Quando chegarem, os capitães dos grandes veleiros receberão de oferta 750 garrafas de vinhos brancos e tintos que estiveram a estagiar no fundo mar durante meses, fruto de uma iniciativa pioneira em Sines, em que participaram os produtores vinícolas da região do Alentejo litoral.

“No próximo mês vamos retirar as garrafas do fundo do mar e ver os resultados. O município de Sines está aberto a dar continuidade a esta experiência, conforme seja essa vontade dos produtores. É o começo daquilo que pode ser uma grande operação de marketing para os vinhos da costa alentejana”, reforçou Nuno Mascarenhas.

O Tall Ships Festival vai realizar-se no âmbito da Rendez-vous 2017 Tall Ships Regatta (RDV 2017), acção comemorativa dos 150 anos da Confederação do Canadá. A frota parte de Greenwich, no Reino Unido, com destino a Sines. De Sines, os veleiros seguirão para Bermuda e Estados Unidos, até chegar ao Canadá, e depois seguem novamente pelo Atlântico até ao destino final em Le Havre, França. No total, a regata passará por sete países, ao longo de sete mil milhas náuticas.

Deixe uma resposta