MONTIJO: Doze divas disputam a coroa de Miss Capital da Flor [FOTOGALERIA]

Local Sociedade Sociedade B Últimas

Doze divas vão tentar conquistar a coroa de Miss Capital da Flor, no Montijo, durante a gala final do concurso, que se realiza no próximo dia 11, sábado, a partir das 21h30, no Cinema Teatro Joaquim d’ Almeida (CTJA)

As beldades, previamente seleccionadas, vão desfilar no palco da principal sala de espectáculos da cidade com a expectativa de poderem ser coroadas no certame, que vale à vencedora um passaporte directo para participar no concurso internacional Miss European Portugal 2017 ou Miss Teenager Universo Portugal 2017.

A candidata que vier a ser eleita Miss Capital da Flor assinará ainda um contrato de exclusividade com a organização, que contempla a participação em eventos e/ou sessões fotográficas, durante o seu ano de mandato.

O júri será composto por João Vale, director da Look de Glamour – Miss European; Tó Romano, director da Agência Central Models; Carolina Seixal, modelo; José António Marques, fotógrafo; Arlindo Almeida, representante da marca Flores do Montijo; Susana Roldão, directora da rádio Popular Fm; e Alda Beatriz, representante da Santa Casa da Misericórdia do Montijo e antiga Rainha das Festas Populares de São Pedro, na década de 80 do século passado.

A gala contará com a actuação dos cantores Bruno Correia e Catarina Mendes.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Concurso Miss Capital da Flor pretende promover as flores e a floricultura, uma das mais importantes actividades económicas do concelho do Montijo, e é dinamizado pela Associação Somos Peixinho, em parceria com a Marca Flores do Montijo e o apoio da Câmara Municipal e da Junta de Freguesia local.

Os bilhetes estão à venda no CTJA. O custo de cada ingresso é de três euros e o lucro do evento será entregue à Santa Casa da Misericórdia do Montijo para ajudar no equipamento da Casa de Acolhimento para Jovens Grávidas.

One comment

  1. E assim vai o mundo. O pessoal vai ocupando o tempo, com momentos de convívio, que não fazem mal a ninguém.

Deixe uma resposta