Prisão preventiva para quatro irlandeses do ‘gang do alcatrão’ apanhado pela GNR de Setúbal

Local Últimas C

Quatro dos seis homens que haviam sido detidos pela Guarda Nacional Republicana (GNR) de Setúbal, durante este mês, por integrarem o “gang do alcatrão”, ficaram em prisão preventiva. Os quatro indivíduos, de nacionalidade irlandesa, fazem parte de um grupo de seis detidos por burla, nos dias 3 e 14 de Fevereiro, pelo Comando Territorial de Setúbal.

“Após serem presentes a tribunal, quatro ficaram em prisão preventiva (um aguarda extradição para França) e os outros dois ficaram sujeitos a termo de identidade e residência”, revelou a GNR.

“O ‘modus operandi’ deste grupo europeu consistia em disponibilizar serviços de pavimentação a custos reduzidos, com alcatrão excedente de obras anteriores, dispondo-se a cobrar apenas o valor da mão-de-obra”, lembra a GNR, explicando ainda que “feito o alegado negócio, e perante um aparato simulado que envolvia máquinas de construção no terreno onde seriam feitas as obras, as vítimas eram coagidas a pagar o serviço muito acima do valor acordado”.

DIÁRIO DA REGIÃO com Lusa

Deixe uma resposta