Setúbal já tem estilhaçador que reaproveita resíduos de madeira

Local

Dá pelo nome de estilhaçador e é um dos mais recentes equipamentos adquiridos pela Câmara Municipal de Setúbal, tendo em vista potenciar o reaproveitamento dos resíduos verdes resultantes de trabalhos de poda de árvores e arbustos

Trata-se de uma máquina que “processa resíduos de madeira, troncos com dimensão até 30 centímetros de diâmetro e copas de árvores inteiras, produzindo estilha de madeira, posteriormente reutilizada para composto nas hortas urbanas e nos jardins municipais”, explica a autarquia.

O equipamento está a funcionar desde a passada quarta-feira, 8, e representou um investimento de cerca de 40 mil euros. A máquina, reforça a autarquia, “efectua o reaproveitamento através de um sistema de rotor laminado que corta os pedaços de madeira, transformando-os em adubo e fertilizante”.

“A facilidade de operação, o baixo consumo e a manutenção rápida e acessível são algumas das vantagens do estilhaçador adquirido”, salienta o município, lembrando que, até então, as árvores eram cortadas e encaminhadas para aterro ou queima.

Deixe uma resposta